O Brasil antes e depois do dia 12 de Maio de 2016

 LEANDRO TISSIANO BRASIL PESSOAS

Política e Cidadania mais unidas do que nunca

A Política e a Cidadania estão mostrando como elas estão entrelaçadas. Ambas são necessárias para que o nosso País funcione de verdade.

Não tem como não comentar sobre este dia onde estamos acompanhando o desenrolar dos fatos no que se refere a despedida da Presidente da República.

Entre hoje e amanhã veremos esta despedida, e eu espero que este Governo não volte mais.

Violência e Anarquia é o que querem os partidários

Enquanto a votação segue, estamos presenciando grupos contra e a favor entrando em confronto. Resta agora saber se a Polícia poderá exercer o seu papel em proteger os cidadãos de bem, não importa de que lado estejam, o que importa é que ambos contribuam para o melhor do Brasil.

Toda violência precisa ser contida. O que os cidadãos de bem não podem fazer é cair no jogo sujo destes vândalos. No momento que um incita e o outro revida, ambos estão errados. Não caiam nessa jogada. Quando você toca na mancha suja de alguém violento e baderneiro, você fica sujo também. Eles sabem disso e querem anarquia, violência, apenas com o real objetivo de gerar audiência negativa e colocar em dúvida o processo de Impeachment.

Por que ela não renunciou? Isso gerou ainda mais instabilidade ao País

Democracia é exercer a humildade em reconhecer que errou, que não fez o melhor para o país e seria mais digno a Presidente ter renunciado. Mas não, ela lutou até o fim e continuará lutando, fazendo com que a nação brasileira agonize ainda mais.

Democracia é o diálogo, não o incentivo à violência. Os brasileiros disseram: “Vamos às Ruas!”, enquanto os petistas partidários disseram: “Vai ter Luta!”. Que diferença de princípios. Quando não há justificativas para se defenderem das acusações, os acusados partem para o ataque. É o que estão fazendo, atacando com porretes, nos socos e pontapés.

Torço para que assim que o novo Presidente assumir, imediatamente proíba as manifestações violentas em todo o Brasil, nem que para isso coloque o exército nas ruas.

Será um recomeço ou o desenrolar da mesma história?

Nos próximos meses, é necessário acompanhar de perto os passos e a direção que o novo governo irá tomar, porque o que vai haver a partir de agora é um recomeço e não o desenrolar da mesma história.

Insisto em dizer que brasileiro que se preza não se apega a partido, nem em promessas. Os cidadãos brasileiros se apegam as boas realizações de seus administradores, mesmo que sejam de diferentes partidos. Todos nós queremos o bem deste País. Todos exigem o respeito a Constituição Brasileira.

Como eu já disse em posts anteriores, queremos um País com oportunidades de crescimento para todos.

Não é justo presenciarmos todos os fatos vergonhosos descobertos, comprovados e testemunhados, e ainda assim continuarmos sendo meros expectadores. Chega, não é mesmo?

Sei que isso não começou com o Partido dos Trabalhadores e que nem vai se acabar por completo num futuro próximo, mas acredito que daqui pra frente esconder as coisas debaixo do tapete não será assim fácil.

Certamente muita coisa irá mudar. O povo cansou de mentiras e promessas.

Leandro Tissiano

LEANDRO TISSIANO ÍNDICE GERAL DE ASSUNTOS 50X50

17 Replies to “O Brasil antes e depois do dia 12 de Maio de 2016”

  1. Reblogged this on oterceiroato and commented:
    Aqui está exatamente o que penso… Post muito bem escrito por Leandro. Impossível nāo estarmos indignados com tudo que estamos assistindo! Nunca pensei em ver tantos absurdos juntos. O que fizeram com o nosso País vai levar decadas pra ser corrigido.! Que golpe nós sofremos! Ainda pretendiam inverter as coisas fazendo-se de vítimas… Democracia não pode ser confundido com cegueira. Hoje uma nova história começa. A esperança renasce em cada um de nós brasileiros. Atençāo máxima em tudo que virå. Vamos acompanhando atentamente estes novos dias. Ainda temos uma longa Estrada pela frente… cheia de desafios muito difíceis… mas o que importa ė que começa uma nova era …

    Liked by 2 people

  2. Eu sou contra o processo de impedimento e nem por isso sou petista. Não me importaria em ter um governo liberal, desde que ele fosse liberal de verdade, e não esse conservador vestido de liberal.
    Acho que a dilma errou em muitos pontos sim, mas a vida do governo só ficou ruim de verdade quando ela começou a tirar privilégios dos cunhas da vida. E esperar que uma presidenta eleita com 52 milhões de votos renuncie acho que é esperar demais.

    Só se teve até hoje combate a corrupção nos governos do PT. Tô pagando pra ver o Sr. Temer continuar com ele, já que se o cunha for preso ele leva 60% do congresso com pra cadeia também.

    Liked by 2 people

  3. Eu respeito a sua opinião, mas conforme eu comentei, independente de partido, o impedimento vale para todos, inclusive para os interinos, se for necessário. Precisamos de pessoas que respeitem a Constituição e administrem bem o nosso País, independente da quantidade de votos, todos devem ser julgados. Não pode haver favorecimento. Obrigado por comentar.

    Gostar

  4. Também acho que não pode haver favorecimento. O que eu espero hoje de quem apóia o impedimento é que mantenham sua postura com relação a todos aqueles em que pesam acusações. Porque se isso não acontecer nos vamos voltar a ter um país que favorece os ricos, que agrada a classe média e que maltrata os pobres, e se isso realmente acontecer, pneus queimados na avenida vão ser o de menos.

    Liked by 1 person

  5. Fiscalizar, acompanhar de perto e protestar democraticamente, dentro dos meios legais, sem violência e quebra quebra. E isso, os milhões de brasileiros (coxinhas) fizeram bem. Concordo, o Brasil é para todos, não apenas para um partido, ou para os ricos, como você mencionou.

    Gostar

  6. Só uma ressalva. Proibir manifestações é o cúmulo no cerceamento da liberdade. E em um país onde as leis só funcionam contra os pobres ela com certeza vai ser uma ferramenta de silenciamento. O que a gente precisa é de uma polícia adequada e eficaz, que se distancia desse modelo militar que só sabe usar de violência, e que de inteligência mesmo não tem nada.

    Liked by 1 person

  7. Eu acredito na sua boa intenção quando você diz isso. O problema é que na grande maioria das vezes quem produz a violência no meio das manifestações é o próprio estado. Tem diversos vídeos no YouTube sobre manifestações pacíficas em que a violência começou por parte dos policiais. E depois de apanhar de graça é claro que os caras perdem a linha.

    Você deu o exemplo das manifestações pró impeachment. Numa manifestação onde a polícia bate continência para os manifestantes, onde uma grande maioria é branca, graduada e tem poder, onde as intenções dos manifestantes vão de acordo com as dos governantes, acho meio difícil ter algum tipo de violência.

    Liked by 1 person

  8. Que acima de tudo busquemos o diálogo e a paz, sempre. Um País tão grande quanto o Brasil, com suas diversidades, culturas e pessoas, isso é Democracia, você opinar, outro discordar, mas ainda assim, haver o respeito de ambas as partes. É disso que precisamos. Abraço Bakemono!

    Liked by 1 person

  9. “Torço para que assim que o novo Presidente assumir, imediatamente proíba as manifestações violentas em todo o Brasil, nem que para isso coloque o exército nas ruas.”

    Uma nova ditadura, amigo? Torturas? Mortes? Censuras? Não, melhor não! Acho que já passamos por isso e não foi lá muito legal.
    No mais, até concordo em partes e partilho de seu pensamento. Mas não podemos esquecer que nós, a grande massa da população brasileira (principalmente das regiões sul-sudeste), servimos apenas de peões neste jogo de poder do PSDB, PMDB, GLOBO, VEJA e tudo mais. No fim, meu caro, o povo brasileiro não sairá como vencedor. Não se iluda. Não iluda seus leitores. A corrupção continuará, mas a Globo nos fará acreditar que está tudo bem, que estamos no país da maravilha; no país do futebol. Tudo será escondido. Tudo. E enquanto isto, pessoas continuarão morrendo nas filas de hospitais, no trânsito, na esquina de casa. E sabe quem as mídias culparão? Sim, o PT. E os brasileiros, como sempre, vão aceitar isto como verdade. Passarão-se anos e anos e sempre culparão o PT, mesmo que ele um dia deixe de existir. E enquanto isto, a corrupção continuará. E sabe porquê? Porque nunca foi pela corrupção. Nunca!

    Liked by 2 people

  10. Thank you for following me and I love how creative you are and the wonderful posts. I’ll be back to read more of it!!

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s