Crônicas, Drama, Pro seu dia ficar melhor, Só para casais

Será melhor partir…

Diz aí, você nunca esteve comigo, nunca esteve do meu lado, nem sequer tentou estar. O meu grande erro foi me entregar à você de corpo e alma, entregar tudo, até o que eu não tinha.

Eu sempre precisei me amar duas vezes mais, sabia disso? É, uma vez para cuidar de mim mesmo e a outra vez para poder suprir o amor que você nunca me deu.

É fácil mandar e desmandar quando se tem o poder nas mãos, mas quando se está do lado de cá, levando injúrias e julgamentos injustos, não, isso não é e nunca será engraçado, muito menos fácil.

Palavras ácidas, desprezo, me diz, quem pode sobreviver a tudo isso? Se isto é o seu jeito de amar, me perdoe, estou fora, completamente fora.

Eu não penso em outra coisa a não ser agora poder dar um tempo à mim mesmo, para poder me recompor, pois foram muitos os anos que tentei salvar o que não tinha solução.

Sei que muitos dirão que fui covarde, mas quem vive de perto o que ninguém mais sabe, não possui nenhuma base para julgar, ainda mais quando se faz este julgamento analisando apenas uma das partes.

E por que tanto silêncio? Por que tanto segredo? Por medo de expor o fracasso de uma relação, de um amor que nunca existiu. E como explicar tudo isso? Não sei, talvez o que houve entre nós tenha sido apenas uma atração física, uma paixonite passageira que não deveria ter prosseguido.

Brincamos na crista da onda, ironizamos o perigo. Trabalhamos com a sorte, não levávamos nada a sério. Por que? Você com o seu jeito de mimada, grosseira e indiferente e eu, um dependente de seu gênio forte, das quirelas de sua atenção e de seus raros momentos de carinho, digo carinho, não explosões de paixão.

Hoje, eu tento ajudar outras pessoas que possam estar pensando que podem mudar o gênio ou o comportamento de outros. Não, ninguém é capaz de introduzir uma outra personalidade em outra pessoa.

Ninguém deveria se arriscar a isso para não se ferir. Se existem relações, elas não podem durar quando se permitem viver de uma forma onde não há o comprometimento de ambos. Os dois precisam o tempo todo se doarem para que ambos recebam parcelas iguais. Ninguém pode se doar mais, amar mais, servir mais, fazer mais.

E então eu me faço esta pergunta, para onde irei? Não sei, como dizem, a única certeza de que tenho, é não retornar ao lugar de onde saí.

A coisa mais difícil de se admitir é quando precisamos dizer adeus, mas se algo serve de consolo, é saber que saio tranquilo, por ter feito tudo o que eu poderia ter feito, pois fiz o meu melhor.

Leandro Tissiano

LOGO TIPO TISSIANO 150

LOGO 150 PX VAZADA PSDFM

1 thought on “Será melhor partir…”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s