As TVs abertas e por assinatura irão à falência

tvs-por-assinatura

Já  comentei aqui neste Blog sobre o futuro da TV, mas é necessário comentar sobre isso novamente, visto que nesta semana fui surpreendido por algo que já vem se arrastando por anos.

Por muito tempo eu fui assinante da SKY, mas amigos, depois que a gente conhece a NETFLIX, eu não vejo nenhuma necessidade de programação exclusiva pela SKY. Quando quero exclusividade eu vou ao cinema e assisto aos lançamentos. A NETFLIX também possui os seus próprios lançamentos, e são muito bons por sinal. E o preço é muito convidativo.

Mas voltando ao raciocínio, eu estava me cadastrando no site da Globo porque estava querendo assinar ao canal SporTV, mas, o SporTV pertence a Globosat, que também é uma TV por assinatura. Ou seja, eu não posso assistir a programação em meu computador ou notebook se eu não tiver uma TV por Assinatura, ou da Globo, ou das empresas de TV por assinatura parceiras da Globo.

Agora eu lhe pergunto, você ainda assiste TV da mesma forma que anteriormente? Sentado em frente a TV?

Eles ainda não entenderam que o novo telespectador assiste TV de seu computador, notebook, Smartphone, etc, menos na TV. Eu mesmo não ligo a TV na programação aberta a muitos meses!

Quando o cliente não está no Facebook, está no Youtube. Praticamente ele está conectado na internet a maior parte de seu tempo, ou se divertindo ou trabalhando.

Por que a Netflix deu tão certo? A Netflix conquistou milhões de expectadores porque deu a liberdade à eles de assistirem filmes através da internet sem a necessidade de terem um aparelho decodificador instalado na TV, que a cada dia possui menos expectadores em frente destes equipamentos, porque tudo está na WEB.

A Netflix também não lhe obriga a comprar pacotes de programações que você não quer assistir. Imagine você em um restaurante louco para degustar aquela picanha e o garçom lhe diz que para saborear a picanha você precisa comer o jiló, o quiabo e o rabanete, porque pertencem ao mesmo prato? Loucura, não é mesmo? As TVs por assinatura fazem o mesmo. A Netflix não. Ela oferece o melhor e o pior sem cobrar nada a mais por isso. Você escolhe o que quer ou não assistir e paga apenas um único valor.

As TVs insistem em ficarem na sala de estar, mas a realidade é outra. Muitos fazem tudo pela WEB, abrem dezenas de telas na WEB, mas não possuem dez TVs por assinatura diferentes, entendem o que eu estou dizendo?

As TVs por assinatura precisam fazer uma fusão tecnológica com a tecnologia da WEB urgentemente. Não dá para carregar um decodificador debaixo do braço o tempo todo, mas assistir TV ao vivo do celular ou tablete e notebook é possível, para isso basta estar conectado a internet. As TVs por assinatura precisam oferecer programações ao vivo pelo sistema Streaming. Não é o que a NETFLIX faz?

Sabe como eu vejo o futuro da TV caso elas não se modernizem a tempo? Da mesma forma que as máquinas de datilografia. Assim que os computadores chegaram, ninguém mais precisou possuir uma máquina de escrever. O aparelho “TV” também será totalmente substituído por uma tela de computador ou uma Smart TV, e o que as TVs por assinatura estão esperando para disponibilizarem a mesma programação sem a necessidade de antenas e decodificadores externos?

O que as TVs por assinatura estão esperando para disponibilizarem os seus serviços online através de Streaming?

Para se ter uma ideia, eu comecei a digitar o número de meu cartão para assinar o SporTV, mas desisti quando entendi que não conseguiria assinar o serviço sem possuir uma TV por assinatura.

Imaginem quantos clientes as TVs tradicionais e por assinatura estão perdendo porque não conseguem entenderem que o futuro da TV está na WEB.

Se a Globo disponibilizasse o canal SporTV da mesma maneira que a Netflix faz, hoje eu teria me tornado um assinante, e quem sabe muitos poderiam estar fazendo o mesmo.

As TVs tradicionais precisam entenderem que apenas programação com sinal digital não podem segurar mais os telespectadores.

Eles precisam disponibilizarem as suas programações online na internet, precisam entenderem logo isso, ou deixarão de existir em um curto período de tempo.

Quer uma prova disso? Quantos de sua família estão sentados em frente a TV neste momento e quantos estão conectados na internet? Então, o futuro está lá.

É difícil entender qual será o futuro da TV caso não migrem para a WEB?

Leandro Tissiano

LOGO 150 PX VAZADA PSDFM

8 thoughts on “As TVs abertas e por assinatura irão à falência

  1. Concordo plenamente com você, eu mesma sou uma assinante da oi TV por assinatura, e tô pensando em cancelar, por que a programação não é essa coisa toda, tenho muitos canais abertos, mas os filmes que estão passando tá deixando muito a desejar, muito repetitivo, queria mais lançamentos de filmes novos, programação melhor, e eu adoraria que todas esses canais fechado tivesse a possibilidade de assistir todos na web, eu vivo mas conectada ao celular, computador, do que mesmo a TV!!! por isso resolvi compartilhar o seu post, no meu blog, pra mas pessoas ficar sabendo e pensar a respeito! E a Netflix eu queria muito assinar, mas infelizmente não tenho cartão de crédito, e adoraria que eles fizesse uma forma de pagar na fatura, enviando pelo correio pra sua residência, assim como a OI TV EU RECEBO TODOS OS MESES MINHA FATURA EM CASA.

    Liked by 2 people

  2. Lutyala, as TVs precisam entender que nós não fechamos mais “Pacotes”, queremos a liberdade de montarmos as nossas próprias programações, e é isso que a internet nos disponibiliza, liberdade de escolha. Ao invés de pagarmos por uma grade de programação, eu só pago pelo programa. Muito agradecido de que tenha gostado. Volte novamente. Abraço

    Liked by 1 person

  3. Quando se está antenado com as novidades da WEB, do tipo o app Kodi, só para citar um, a TV é e continuará muito útil porém não para assistir somente às baboseiras incutidas pelos pacotes para assinantes, geralmente com cento e poucos canais, dos quais se assiste… uma dezena?
    Pra concluir, esse tal app Kodi permite assistir uma infinidade de canais, eu tenho 3200, de todos, eu disse todos os gêneros sem pagar um só tostão por isso.
    Não é publicidade, o app é de código aberto.
    Aproveitem!

    Liked by 1 person

  4. Olá, você deixou bem claro que estamos aborrecidos com estes pacotes sem conteúdo. Em minha casa somos eu e meu marido, adoramos assistir novelinhas, jornais, raríssimos filmes, poucos programas de auditório…Mas, conheço uma população enorme de aposentados firmes e fortes, que ainda são tradicionais aos programas populares. Entendo perfeitamente seu ponto de vista, porém as mudanças não podem ser tão drásticas…afinal em meados de 2020 a população de idosos será igual a população de jovens…E aí qual a solução????


    https://polldaddy.com/js/rating/rating.js

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s